sábado, 28 de maio de 2011

Bolo integral


E foi só eu falar que não faço muito doce aqui em casa pra passar uma semana só testando receita doce!!!! Depois do pudim de dia desses, fui convencida a tentar fazer novamente um quindim! O fato é o seguinte: as receitas que achei nos blogs por aí não funcionam! A que funcionou foi a do "santo de casa": a receita de quindim da sogra fez sucesso, mas na hora que fui desenformar, quebrou-se tudo e não pude fotografar. Mas vou repetir pra postar aqui, porque aquela ali vale a pena!
Daí que hoje a filha vai a uma festa aqui no condomínio e convidou as amigas para se arrumarem aqui em casa (essa fase é linda e acho que minha filha sabe aproveitá-la muito mais do que eu aproveitei. Eu era muito tímida para ir a festas. E ela sabe que aqui em casa, a coisa funciona assim: notas boas e bom comportamento social geram a recompensa da confiança. Então, os finais de semana dela sempre têm minha aprovação para reuniõezinhas sociais e recepção de amigos, que é uma forma saudável de se viver). E essa coisa das amigas virem se arrumar aqui está se tornando algo profissional. Semana passada, ela me pediu pra comprar um curso de maquiagem num desses sites de compras coletivas e eu indaguei a necessidade disso. Ela me convenceu quando disse que é tão boa nisso, que é sempre a escolhida para arrumar os cabelos e fazer a make up das amigas. Então, aproveitei que a casa vai estar cheia logo mais e fui testar uma receitinha saudável pras garotas comerem antes de ir à festinha: o bolo integral da Geisa!
A Geisa é minha vizinha e síndica do prédio. Dia desses, ela tocou aqui na porta pra deixar um pedaço de bolo que tinha acabado de sair do forno! O cheiro logo tomou conta da casa e fomos obrigados a largar tudo o que estávamos fazendo e preparar um chá pra acompanhar imediatamente aquela gostosura! Lógico que pedi a receita! E a autorização para postá-la aqui... lá vai:

Bolo integral:

Untar a forma.
Numa bacia grande, juntar:

2 xíc. de trigo integral (do mais fino)
1xíc. de gérmen de trigo ou farelo de trigo
1 xíc. de aveia grossa
1 xíc. de açúcar mascavo
1 colher fermento químico
1 colher de chocolate em pó (ou cacau) - Ela u
sa cacau
1 colher de linhaça

Mexer tudo muito bem até que se misture.

Colocar aos poucos óleo de girassol e ir mexendo até fazer uma farofa úmida, mexer bem esta farofa pra ir absorvendo o óleo e assim não precisar colocar muito. (aqui uma dica: a receita original é 1xíc., mas ela coloca sempre menos).

Pronta a farofa, reserve.

Recheio de banana: picar 6 bananas em rodelas espremer em cima delas, num prato, meio limão (evita que elas oxidem) e canela.

Recheio de maçã e passas, o mesmo procedimento. 2 maçãs em cubo já é o suficiente. (Eu fiz recheio de maçã e passas).

Montagem:

Na forma untada, despejar metade da farofa, depois o recheio de leve, sem socar, despejar o restante da farofa.

Por último, bater um ovo com uma xícara de leite e pingar algumas gotinhas de baunilha, ou salpicar açúcar de baunilha e despejar por cima do bolo devagar, com ajuda de uma colher, certificando-se de que toda a massa absorveu o líquido. Dar uma batidinha com a forma na pia só pro conteúdo se ajeitar, 40 a 50 minutos d
e forno a 180°.

Por cima de tudo, antes de ir ao forno, colocar gergelim ou aveia grossa pra ficar com aparência legal.

É só fazer um chá pra acompanhar... e nas tardes frias que prometem fazer por aqui nesse inverno, esse bolo vai ser uma excelente pedida!

A todos, bon appétit!

Um comentário:

Geisa Mariana disse...

Hummmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm !!!