sábado, 20 de setembro de 2008

Os cinco meses...

Tem algumas coisas que sempre me lembraram a minha casa, esta que construí agora, com J..
Incrivelmente, a maioria delas nem sabíamos onde achar quando começamos a moldar este lugar, mas com um pouco de força de vontade, fomos garimpando o que já havia sido planejado: desde as lojas modernas para casas minimalistas até antiquários visitados em viagens e tal... numa dessas, a internet sempre ajuda muito e foi assim que o nosso célebre e ultra conhecido Campbell's veio parar na cozinha... não sem a ajuda de tantos amigos que temos espalhados por aí! Pois então hoje o Campbell's foi escolhido como símbolo - não mais da Pop Art de Andy Warhol, mas dos cinco meses de casório e de tudo o que temos sonhado e conquistado nesses anos! A princípio, costumamos brindar todas as noites, a mais um dia de trabalho e o momento de descanso, mas como repeti minha consulta de vista e os resultados foram muito bons (para quem não acompanha a "missa": eu estava com um diagnóstico bem desanimador sobre o futuro de meus ricos olhinhos míopes), então resolvemos brindar a mais um motivo, em grande estilo! E a ocasião não podia ser melhor: resultados médicos satisfatórios, aniversário da Carolzinha, Chanel voltando ao lar (após ser internada com suspeita de forte intoxicação com material de limpeza - ainda está sob observação, mas o quadro já é bem animador) e os falados cinco meses!
Este lugar - o nosso lar - guarda todas as coisas que nos costuram: os presentes de casamento, os bois bumbás de argila, vindos da PB enfeitando a estante dos cds, as pimentinhas de GO plantadas nos vasinhos da sacada, as mesmas pastilhas para banheiro (porque já nos acostumamos com o cheirinho do pinho daquela marca), os sabonetes de alecrim ou de canela, a extensão para que o forno elétrico alcance a tomada, os tomates italianos, a preocupação em comprar produtos orgânicos e ovos caipiras, a necessidade de frutas, o açúcar que agrida menos, o óleo que nos poupe mais, os produtos de limpeza que sejam inofensivos à saúde da Chanel, as fotos, os quadros, a Sofia, a Chanel... as violetas (que foram para a casa da Taís, tomar solzinho), minha tese que espalha livros pela casa, os momentos dele, quando esquece cds pela sala, o quarto da Carol quase pronto (em branco e lilás, como ela pediu) e a vida... que segue como um campo de margaridas (alguns dias ensolarado, outros dias à espera do ciclone... ah, a boa e velha TPM)! ... a seguir: a receita da comemoração dos cinco meses! A nós, tim-tim!



Nenhum comentário: